TecamySer

Capacidade de Adsorção de Contaminantes em Águas

O carvão activo apresenta uma grande capacidade de adsorção de uma ampla gama de moléculas contaminantes, tanto orgânicas (dissolventes, hidrocarbonetos, pesticidas, odores, sabores) como inorgânicas (cloro, ozono, etc.), susceptíveis de estar presentes numa água bruta.

  • Em geral, a eficiência de um carvão activo para o tratamento de água depende:
  • Da solubilidade do contaminante na água: geralmente quanto menor é a sua solubilidade maior será a sua afinidade com o carvão e, portanto, melhor será a sua adsorção.
  • Da polaridade do contaminante: Em estreita relação com a sua solubilidade em água.
  • Do tamanho dos poros do próprio carvão: Habitualmente estabelece-se que o tamanho dos poros deve ser da ordem de 1 a 5 vezes o diâmetro das moléculas a reter para que a adsorção seja eficaz.
  • Os sistemas de tratamento mediante carvão activo são fáceis de implantar e de manter, podendo ser utilizados combinados com outros processos.

A tecamyser.com utiliza cookies para facilitar e tornar mais simples a sua utilização.